A contribuição patronal retorna em benefício para a sua empresa. Não fique de fora!

foto-beto-doman

Janeiro é o mês do vencimento da contribuição patronal e por isso gostaríamos de mostrar para você, empresário, a importância dessa arrecadação. O Sehal (Sindicato das Empresas de Hospedagem e Alimentação do Grande ABC) representa a sua empresa nos momentos mais importantes e está a sua disposição com diversos serviços, além de oferecer amplo portfólio de benefícios.

Para obter todas as vantagens e ter o apoio para o seu negócio é necessário fazer o pagamento da contribuição, que vence dia 31 de janeiro. Se você não recebeu a guia de pagamento, entre em contato pelo e-mail: sehal@sehal.com.br, WhatsApp (11) 9 5699-2255 ou pelo telefone (11) 4994-2866.

“Esses recursos da instituição patronal retornam e impactam positivamente no desenvolvimento para sua empresa porque nós auxiliamos, defendemos e prestamos serviços a todos os proprietários de bares, hotéis e restaurantes no Grande ABC. Essa contribuição representa também uma economia para a sua empresa, já que diversos serviços inerentes ao segmento estão à disposição do associado”, afirma Beto Moreira, presidente do Sehal.

As Convenções Coletivas de Trabalho assinadas pelo Sehal podem ser um bom exemplo: são as que menos oneram os custos das empresas em relação a outros acordos fechados no Estado de São Paulo. Há ainda o Repis, que representa economia na folha de pagamento, o que é uma ótima alternativa para estabelecimentos de menor porte.

Além de tudo, levamos todo tipo de informação ao empresário. Fizemos aqui no Sehal amplos debates sobre ICMS sobre pescados, Lei da Gorjeta e das mudanças na Reforma Trabalhista, todos temas que geraram muitas dúvidas e puderam ser esclarecidas pelo Departamento Jurídico.

Sobre os benefícios? Há uma lista que podemos elencar: consultorias nas áreas jurídica, sanitária, em arquitetura, em comunicação e marketing. Promovemos cursos de qualificação e disponibilizamos diversos convênios com faculdades e escolas e com instituições, entre outros.

 Beto Moreira, presidente do Sehal

Facebook